quinta-feira, 2 de janeiro de 2014

LIDANDO COM O RECOMEÇO

1. DIANTE DO RECOMEÇO, SEJA HUMILDE
NA INICIATIVA

O versículo 2 do capítulo 2 do livro em questão mostramos excelentes virtudes na vida de Rute. O texto nos diz: Um dia Rute disse a Noemi: - Deixe que eu vá até as plantações para catar as espigas que ficam caídas no chão. Talvez algum trabalhador me deixe ir atrás dele, catando as espigas que forem caindo. Aqui, observamos uma mulher de iniciativa. Tanto Rute quanto Noemi, sua sogra, haviam perdido os seus cônjuges. Contudo, ela não se deixou abater pelo desânimo da perda, da morte, do desconforto, da pobreza e nem pela estranheza do lugar e das pessoas. Pelo contrário, Rute decidiu “arregaçar as mangas” e partir para a luta! O ânimo é um excelente remédio para o recomeço.
Outra virtude que observamos na vida de Rute é a humildade. Ela não se mostra insubmissa, mas demonstra respeito para com Noemi. Para Rute, os cabelos brancos desta senhora não lhe representam motivo de desprezo, mas de consideração. Ela poderia sair para colher as espigas no campo, sem lhe dar nenhuma satisfação, mas não o fez. Antes, pediu a permissão de sua sogra. Rute nos mostra que a iniciativa, sem a humildade, não nos leva à vitória do recomeço. Rute nos é o exemplo de que em quaisquer circunstâncias, jamais devemos “pisar” nas pessoas como se nada valessem.
Por gentileza, observe a primeira parte do versículo 7: Ela me pediu que a deixasse ir atrás dos trabalhadores, catando as espigas que fossem caindo. Quando Rute faz esse pedido ao trabalhador de Boaz, dono do campo, ela reconhece a sua pobreza. Talvez, muitos de nós não tivéssemos a mesma humildade para tal iniciativa. Rute, porém, reconheceu a sua necessidade; isso porque a prática de colher as sobras de cereais ou frutas “era uma instituição civil em benefício dos pobres, especialmente das viúvas, dos órfãos e dos forasteiros”.1 Além de viúva, Rute era também uma estrangeira necessitada.
Atitudes humildes expressam a sabedoria e a inteligência do ser humano. Tiago diz: Existe entre vocês alguém que seja sábio e inteligente? Pois então que prove isso pelo seu bom comportamento e pelas suas ações, praticadas com humildade e sabedoria (Tg 3.13). Não devemos nos imaginar com capacidades e forças suficientes para recomeçar sem a ajuda das pessoas. Muitas vezes, não podemos caminhar sozinhos, pois, se, de alguma maneira, chegarmos a tropeçar e cair, precisaremos de alguém para nos ajudar a levantar e prosseguir. Por isso, devemos considerar e valorizar as pessoas, por mais simples que sejam.
Ser humilde na iniciativa é ter atitudes submissas. Quem é submisso não dá lugar a rebeldia e evita atritos relacionais. Quem tem iniciativa humilde é grato e vive com contentamento. Não vive murmurando pelo pouco que ganha, mas é fiel e agradecido a Deus, tanto no pouco como no muito. Sabe lidar com as críticas de modo positivo e sem ressentimentos, pois consegue enxergá-las como um “remédio” preventivo para as feridas futuras. O princípio da humildade, quando posto em prática, nos torna cristãos melhores, pois a vida cristã só terá sentido para nós, se parecermos com Cristo, que é humilde e manso de coração (Mt 11.28).
Até agora, vimos o primeiro princípio pelo qual lidamos de modo eficaz com o recomeço, isto é, diante do recomeço, seja humilde na iniciativa. Vejamos, portanto, o segundo princípio:

2. DIANTE DO RECOMEÇO, SEJA ATENCIOSO
NO ESCUTAR

Por gentileza, observe o versículo 8 do capítulo 2: Então Boaz disse a Rute: - Escute, minha filha. Não vá catar espigas em nenhuma outra plantação. Fique aqui e trabalhe
perto das minhas empregadas. Boaz, além de rico, era bondoso e sensato. Ele, mais do que ninguém, tinha conhecimento dos perigos que rondavam as mulheres que colhiam espigas nos campos. Assim como fartas eram as colheitas, grande era o perigo! Era muito fácil uma mulher ser violentada. Havia homens maus, sem pudor e misericórdia para com os famintos; homens que buscavam satisfazer, a qualquer custo, o seu prazer sexual, sem se importar com o sofrimento alheio.
Rute, portanto, deveria ficar muito atenta; caso contrário, seria presa fácil dos malfeitores. Boaz é claro em seu conselho, quando diz: Preste atenção e fique com elas no campo onde vão cortar espigas (v.9a). Um conselho prudente pode evitar muitos males. Uma atitude impensada pode trazer conseqüências irreparáveis para a vida das pessoas. Estando em companhia das mulheres, não haveria perigo. O interessante é que o mesmo conselho foi dado por Noemi no versículo 22. A preocupação de Boaz era de não permitir com que a honra de Rute fosse maculada. Veja a parte “b” do versículo 9: Eu dei ordem aos empregados para não mexerem com você.
Será que Rute ouviu atentamente os conselhos de Boaz e Noemi? Sim! Ela foi sábia! Observe a primeira parte do versículo 23: Assim Rute trabalhou com as empregadas de Boaz e catou espigas até terminar a colheita da cevada e do trigo. Rute escutou atentamente e obedeceu prontamente. Quem despreza os bons conselhos acabará mal, mas quem os segue será recompensado (Pv 13:13). Rute não desprezou as palavras de experiência. Ela não se arriscou por caminhos estranhos, não pôs à prova sua honra, nem se desviou à procura de campos mais férteis.
Diante do recomeço, ser atencioso no escutar é fundamental. Quem é atencioso no escutar tem mais probabilidades de acertar, ao tomar suas decisões, e poderá evitar o mal para si e para os outros. Se você costuma falar mais e escutar menos, reavalie sua atitude. Não pense que já sabe tudo; você pode estar enganado. Você precisa, sim, ouvir conselhos, aliás, bons conselhos! Não despreze os sábios conselhos dos seus pais, pois eles, mais do ninguém, querem o melhor para você. Não deixe de ouvir os sábios conselhos do seu pastor, pois Deus pode usá-lo tesouros para toda a vida!
Tenha, porém, muito cuidado com os maus conselhos. Não siga conselhos que o afastem de Cristo. Cuidado com os conselhos tendenciosos da mídia, os quais tentam, a qualquer custo, lançar por terra os princípios morais ensinados na palavra de Deus. Quem é atencioso no escutar é prudente. Pensar antes de agir é um grandioso passo para lidarmos eficazmente com o recomeço. Não somente escute, mas siga os sábios conselhos. O recomeço será bem sucedido, quando, nele, houver sábia orientação. A Bíblia diz em Provérbios 15:22: Sem conselhos os planos fracassam, mas com muitos conselheiros há sucesso.
Já vimos dois princípios pelos quais lidamos de modo eficaz com o recomeço, que são: Diante do recomeço, seja humilde na iniciativa; diante do recomeço, seja atencioso
no escutar. Vejamos o terceiro princípio:

3. DIANTE DO RECOMEÇO, SEJA INSISTENTE
NO TRABALHO

Além da humildade na iniciativa e da atenção no escutar, o recomeço exige insistência no trabalho. O que isso significa? Significa ter disposição para ir à luta, coragem para enfrentar os desafios diários, ânimo para olhar as circunstâncias de forma positiva, por mais difíceis que sejam. Essa qualidade é facilmente percebida nas atitudes de Rute. Por favor, ainda no capítulo 2, observe o versículo 7b: E assim ela está trabalhando desde cedo até agora. Veja que este texto nos mostra a perseverança de Rute no trabalho. Ela sabe perfeitamente que o trabalho é uma ferramenta fundamental para quem lida com o recomeço.
O versículo 17 mostra, de modo ainda mais claro, a disposição dela em relação ao trabalho. Observe: E assim Rute catou espigas no campo até a tarde. Depois debulhou os grãos das espigas que havia apanhado, e estes pesaram quase vinte e cinco quilos. Veja que “Rute trabalha de manhã até a tarde. Ela é industriosa, não come o pão
da preguiça. Ela não é uma peça de porcelana; ela tem coragem, tem disposição e tem mãos adestradas para o trabalho. O trabalho dignifica”. Em tempos de dificuldade, não dá para ficar parado. É necessário correr atrás e enfrentar os desafios diários, confiantes de que Deus estará conosco em cada momento.
Agora, observe a segunda parte do versículo 6: E assim ela está trabalhando desde cedo até agora e só parou um pouco para descansar debaixo do abrigo. O trabalhador de Boaz, que era um profissional qualificado e experimentado no campo, havia se impressionado com o trabalho de Rute! Não era tão fácil, como também não o é, nos dias de hoje, encontrar uma pessoa que se destacasse por buscar a excelência em suas atividades. À semelhança da mulher virtuosa de provérbios 31, Rute era uma pessoa de confiança, honesta, solidária, de braços fortes e vigorosos para o labor.
Se você deseja recomeçar, aja com humildade, escute com atenção e trabalhe insistentemente. Quem age dessa maneira, não corre o risco de ser pesado ao seu irmão e alcança, com êxito, suas realizações. Quem trabalha tem com o que viver, mas quem só conversa passará necessidade (Pv 14:23). Seja perseverante nas suas ações e responsável para cumprir fielmente com os seus deveres. Ao fazer isso, você poderá se desgastar e “suar a camisa”, porém, certo de que colherá os deliciosos frutos da vitória! Não pense, portanto, que você não está sendo observado na forma como lida com o trabalho. Por isso, faça o melhor que puder a fim de alcançar bom testemunho.
Ao insistir no trabalho, seja honesto! Não tente burlar as leis nem andar pelos caminhos “mais curtos”, a fim de obter vantagens indignamente. Lembre que o Senhor faz o que é certo e ama a honestidade; as pessoas que são obedientes a ele viverão na sua presença (Sl 11:7). O verdadeiro cristão deve ser digno de confiança. Permita-me perguntar-lhe: Você tem sido honesto no trabalho? As pessoas têm depositado a sua confiança em você? Ao insistir no trabalho, seja solidário! Ajude a quem precisa da sua orientação e do seu apoio. Seja sempre disposto a servir os outros com dedicação e amor.

CONCLUSÃO

O desfecho da história de Rute é impressionante! No início, ela enfrentou a perda do seu sogro, do cunhado e do marido, experimentou o amargo sabor do desamparo
e se deparou com a miséria da pobreza. Porém, confiou em Deus, que lhe providenciou os meios necessários para o recomeço da sua vida. Por perceber que Rute era humilde
na iniciativa, atenciosa no escutar e insistente no trabalho, Boaz não hesitou em casar-se com ela. Rute foi por ele acolhida com muito amor e ambos tiveram um filho, que chamaram de Obede. Este veio a ser avô de Davi (4:17), ou seja, da descendência de Rute, a moabita, nasceu o salvador da humanidade, Jesus!
Você precisa passar por um recomeço em sua vida? Então, aprenda com Rute como fazê-lo. Seja um cristão de iniciativas humildes! Escute os conselhos de modo atento e não fuga do trabalho, mas nele, seja insistente! Por mais difícil que pareça, é possível haver um recomeço em sua vida. Deus pode fazer com que aconteça uma mudança radical na sua história! Se, no entanto, você achar que não é capaz, saiba que o Senhor também opera na nossa incapacidade. Busque a ajuda do Senhor e nele ponha a sua confiança, pois ele intervirá eficazmente em seu favor. Amém!

Portaliap 

Nenhum comentário:

Postar um comentário